Resenha | Verity – Colleen Hoover

Estou começando a achar que Verity escreve pelo ponto de vista do vilão por ela ser uma. Ser má é tudo que ela conhece.

Verity é um thriller psicológico e com certeza diferente dos outros livro da Colleen. Como ela mesma disse, várias vezes, essa história tem muitas cenas pesadas. Inclusive, já começa com Lowen vendo um homem ser atropelado por um caminhão. E todo o sangue dele espirra nela. Ela estava indo pra uma reunião de trabalho, ou seja, não pode chegar ensanguentada lá. Jeremy  a ajuda, e oferece uma das blusas que ele tá usando pra ela – eles têm uma conexão meio platônica – e ambos seguem seus caminhos.

O que ela não esperava é que eles iriam pra mesma reunião. Lowen é escritora e é convidada a continuar uma série de livros de suspense escrita por Verity – esposa de Jeremy – que está impossibilitada devido a um acidente de carro. Lowen aceita porque depois da morte da mãe, seu dinheiro quase não existe. Jeremy a convida pra passar uns dias na casa em que ele vive com Crew – filho do casal – e Verity, que está em estado vegetativo para entender seu processo criativo.

Eu tenho certeza que quase tudo vem da minha cabeça, mas isso não me acalma porque as coisas à espreita dentro da mente podem ser tão perigosas quanto as ameaças tangíveis.

Lowen mal podia imaginar o quanto entraria na mente de Verity ao encontrar um manuscrito de uma autobiografia e entender melhor as tragédias que a família passou – as filhas gêmeas do casal, faleceram com pouco tempo uma da outra – então, é muita coisa ruim pra um lugar só.

Verity foi uma experiência LOUCA. Colleen me surpreendeu – de novo – mas agora de um jeito bizarro. Quem diria que alguém que escreve romances poderia entregar um thriller psicológico assim. Os 3 personagens principais são muito bem explorados, mas obviamente Verity é a mais profunda. Você pega ranço dessa mulher num nível indescritível. E isso só mostra as habilidades de Hoover como escritora.

O livro é narrado na primeira pessoa, pelo ponto de vista de Lowen que também tem seus problemas e em alguns momentos você pergunta se tá ficando doida junto com a personagem rs.⠀

Jeremy é um personagem muito cativante, ele é um marido e pai maravilhoso. Uma coisa que me deixou presa a narrativa é o fato de parecer que nenhum personagem é confiável, nem a própria história parece ser confiável. Também temos o ponto de vista da Verity, que vem no manuscrito que é intercalado com Lowen.

Eu era boa em vomitar mentiras. Foi por isso que virei escritora.

As reviravoltas da história são mind blowing, tive inúmeras teorias, só uma estava certa, mas até nela eu fui pega de surpresa pela autora. E o final, meus queridos, eu realmente NÃO ESPERAVA. Mais uma vez, Colleen Hoover vem pra mostrar que não é uma autora previsível, como costumo ver comentários por aí. Ela sabe muito bem o que está fazendo em qualquer tipo de história.

O livro é +18, tem umas cenas meio doentias e amedrontadoras, mas se você  tem costume com o gênero, não vai ser nada extraordinariamente terrível. Sério, leiam Verity disponível no Kindle Unlimited em Inglês e em português está sendo lançado pela Galera Record. Compre aqui!

Ana Gabriela

12 comentários em “Resenha | Verity – Colleen Hoover

  1. Oi, Ana. Acabei de ver esse livro em outro post, e também vi que a autora está disponibilizando esse livro de graça por causa da quarentena, eu acabei comprando para treinar o meu inglês. Não sabia que era uma narrativa tão doentia, eu pessoalmente não sou muito desse tipo de narrativa, pois sou meio sensível, mas espero ter uma boa leitura. Nunca li nada da Hoover, então espero ter uma surpresa com esse livro. Obrigada pela resenha, suas fotos, como sempre, sempre lindas!

    Love, Nina.
    http://www.ninaeuma.blogspot.com

    1. Realmente, não é um romance sabe? Ela foi pra outro lado com essa história e eu achei fantástico, mas espero que você aproveite a leitura mesmo não sendo seu tipo de livro!

  2. Oi, que bom saber que o final te surpreendeu, mesmo que você tenha imaginado algumas teorias. Eu estou mega curiosa para ler esse livro e descobrir o que a escritora descobrirá sobre a Verity. Amei conferir sua resenha.

  3. Oi Ana, até hoje só li um livro da autora e gostei bastante, mas acho que esse eu vou amar, tem suspense, meu gênero favorito. O livro já está nos meus desejados, só aguardando uma promoçãozinha.
    Bjos
    Vivi
    Blog Duas Livreiras

  4. Eu tô vendo muita gente falando desse livro e também vi ontem no twitter que a autora deixou o livro gratuito na amazon e achei isso super bacana.
    Eu só li um livro da autora, mas ele mexeu muito comigo e desde então eu fico meio receosa de ler algo dela por medo de me machuvar mesmo sabe?!
    Eu baixei o livro e espero que eu consiga ler nesse tempo de isolamento, seu post me deixou animada pra tentar. Adorei suas fotos!!

  5. Olá tudo bem? Adorei sua opinião e detalhes sobre a obra, ela será minha próxima leitura e estou mega ansiosa para conhecer a funda essa leitura, acredito ter sido muito bem desenvolvida!

  6. Me parece um bom livro, li pouco de Colleen, mas o pouco para mim cumpriu a proposta, neste caso, como você menciona na resenha, esse me pareceu bem diferente, gosto quando autores de forma geral conseguem explorar o bizarro, o horror ou simplesmente chocar daquilo que já vinha escrevendo, certamente, lerei, mas a versão física.

    1. Tarde Demais a gente ESCONDE no fandom. Ela escreveu pelo wattpad e recebia feedback do público ao longo do processo, ela tava com bloqueio criativo no processo de outro livro, então foi experimentar. Ele é muito grosseiro, não teve muitas revisões, aí virou isso aí kkkkkk

  7. Ai amiga eu tentei dar uma chance para essa autora hauhauhauha
    Vejo tantos elogios e sempre que encontro uma resenha, encontro temas importantes nas histórias.
    Pois bem, decidi começar por confesse – muitas pessoas me recomendaram, mas não deu. Abandonei a leitura e ainda estou pensando se irei retomar. Inclusive, achei a capa desse livro linda e quando li a sinopse me interessei haauhauhau preciso insistir gente pq sei que sou eu a errada hauHAUHUHau

    1. Hahahahah tenta por esse então! Mas aí quando cê for ler os outros livros, fica sabendo que Verity foi fora da curva “normal” da Colleen dos romances NA. Agora que ela tá explorando outros gêneros.

  8. Um dos livros mais desejados no momento. Não somente por ser Colleen, mas por ser totalmente o oposto de tudo que ela escreveu até hoje.
    Essa pegada de thriller me fascina e pelo que li acima, a autora conduziu isso majestosamente!!!
    Espero poder ter e ler em breve!!!!
    Beijo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Voltar ao topo