O amor

Acima de tudo, porém, revistam-se do amor, que é o elo perfeito.

Colossenses 3:14

O poder transformador do amor.

É só pensar no momento que você mais se sentiu amado. O primeiro que vier a cabeça. Tem uma cena em Friends em que falam pro Joey que se você tem que pensar muito se já amou é porque você não amou ainda. Você já amou?

Então esse momento te mudou.

Nós romantizamos o amor. Achamos que só pode ser de casal. O tal do amor romântico. Mas o amor vai além. É mais. Muito mais.

O amor se mostra nos pequenos detalhes, nas palavras, nas ações, grandiosas e simples. O amor é escolha. O amor é sacrificial.

Deus é o próprio amor. E Jesus se tornou o amor sacrifício.

Foi assim que Deus manifestou o seu amor entre nós: enviou o seu Filho Unigênito ao mundo, para que pudéssemos viver por meio dele. Nisto consiste o amor: não em que nós tenhamos amado a Deus, mas em que ele nos amou e enviou seu Filho como propiciação pelos nossos pecados.

1 João 4:9-10

O amor muda.
De dentro pra fora.

O amor dá força, impulsiona, protege, cuida, defende, confronta, conforta, ensina, ganha, perde, levanta e até cai junto. O amor chora, sorri, faz festa e silêncio.

O amor.

Como a Princesa Diana falou muito sabiamente, quando você encontrar alguém que ama na sua vida, agarre esse amor.

O amor liberta e salva.

Que privilégio é conhecer o amor. Que privilégio é viver o amor.

Que sejamos amor e que sejamos amados.

Há poder no amor. Não apenas em suas formas românticas, mas em qualquer forma, em qualquer forma de amor. Existe uma noção quando você é amado, e você sabe disso, quando alguém se importa com você, e você sabe disso, quando você ama e mostra – isso realmente parece certo. Há algo certo sobre isso. E há uma razão para isso. O motivo tem a ver com a fonte. Fomos feitos por um poder de amor, e nossas vidas foram destinadas – e são destinadas – a serem vividas nesse amor. É por isso que estamos aqui. Por fim, a fonte do amor é o próprio Deus.

Bispo Michael Curry

Ana Gabriela

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Voltar ao topo