escreve,  poemas

A fragilidade humana e o Deus Forte.

Ah a fragilidade humana!
Tão bonita e tão triste.
Tão forte e tão sensível.
Digna de poemas.

Ah a fragilidade daquele que se âncora no Deus forte!
E que entende que ser frágil não te faz menos servo. E nem menos merecedor do consolo do céu.
A fragilidade te faz repousar na força do Deus soberano.

Aquele que trabalha na tristeza, impotência e na fraqueza do humano.
O Deus forte que transforma fragilidade em fortaleza porque sabe a beleza da humanidade e do “eu sou fraco, mas sigo um Deus forte. E não preciso esconder nenhuma das duas coisas.”

Ele que se fez carne pra compreender o plano que Seus filhos vivem.
Ele que desceu do trono dos céus para viver a verdade humana e trouxe consigo um plano de salvação.
Ele que sabe que o cair é do homem, mas o levantar vem dEle.

Ah, humanidade que não entende!
Que Ele ensinou que a fragilidade é prova de amor.
Ele que não afastou o cálice na vulnerabilidade do filho, porque desse cálice, nasceria a oportunidade da fragilidade para todos os outros que Ele deseja chamar de filhos.

Ah, Deus que faz frágil ser sinônimo de forte!
Quantos entenderam a mensagem? Quantos verão a verdade?
A fragilidade humana faz-nos achegarmos a ti e ao próximo.

Mas quem compreenderá sem questionar:
“Você segue um Deus forte por quê segue tão fraco?”

Ah, fragilidade humana…
Quem além do Deus forte te entenderá?


Mas Ele disse: “Minha graça é tudo de que você precisa. Meu poder opera melhor na fraqueza.” Portanto, agora fico feliz de me orgulhar de minhas fraquezas, para que o poder de Deus opere por meu intermédio. Por isso aceito com prazer fraquezas e insultos, privações, perseguições e aflições que sofro por Cristo. Pois, quando sou fraco, então é que sou forte.

2 Coríntios 12:9-10

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *